Autotrans toma medidas para manter a qualidade do transporte

autotrans

Eficiência é a missão da Autotrans

Transportar pessoas com eficiência e qualidade, atenta à inovação e sustentabilidade é a missão da operadora de ônibus Autotrans.

José Gomes, Coordenador de Tráfego da empresa desde quando foi adquirida em 2006 pelo grupo SARITUR, diz que a Autotrans não poupa esforços para aprimorar os seus serviços em busca de um transporte público de qualidade.

Autotrans toma medidas para manter a qualidade do transporte público

José Gomes – Coordenador de tráfego da Autotrans

 

As principais medidas tomadas para manter a qualidade do serviço é a qualificação de todos os colaboradores. São realizados treinamentos trimestrais sempre focados na excelência do atendimento ao cliente.

Quando perguntado sobre as medidas tomadas pela empresa em relação aos clientes José Gomes, diz:

“buscamos manter uma boa relação com a comunidade, atendendo as necessidades de nossos clientes, as solicitações do Poder Concedente. E sempre examinando possíveis mudanças do mercado para que ocorram as melhorias no transporte”.

 

A Autotrans preza sempre por inovar e trazer soluções sustentáveis que beneficiam tanto a população usuária do transporte, quanto à empresa. Uma das principais propostas de inovação realizada pela empresa é o sistema de bilhetagem eletrônica que assegura ao usuário e empresa, “mais segurança e comodidade” indagou o mesmo.

 

A queda no setor

Um dos pontos levantados durante a entrevista foi sobre a queda sofrida no setor de transportes nos últimos três anos, onde o Vale do Aço apresenta um déficit de trabalhadores fichados, com média de 18% na queda de passageiros de ônibus.

 

“Quando iniciou a crise no país, as empresas começaram a demitir em massa, até então, o setor de transporte público ainda não havia sido afetado. Os trabalhadores demitidos recebiam seguro desemprego e FGTS, permanecendo a utilização do transporte para se locomover. Porém, o dinheiro foi acabando e os clientes viram-se obrigados a usar transportes alternativos, como a bicicleta e motos, logo, com isto o setor de transporte vem sofrendo muito.”

 

Dentre as providências tomadas pelo governo em investir na priorização do transporte público, a Autotrans teve que se adequar rapidamente as mudanças do cenário.

Foram realizadas juntamente com poder público propostas para otimizar e economizar, de forma que os clientes não sentissem as adequações e otimizações necessárias para a funcionalidade do negócio.

Cientes de que o Brasil há 10 anos vem investindo na mobilidade urbana, José Gomes diz que a Autotrans sempre esteve em busca de soluções inovadoras para tornar o transporte mais eficiente.

Uma das soluções que poderiam ser tomadas para o progresso desse modal seria a criação dos corredores exclusivos para os ônibus,  porém as cidades do Vale do Aço não comportam essas estruturas.  A precariedade das vias e calçadas, e o incentivo intenso do uso de automóveis individuais tem sido um dos pontos cruciais na perca de eficiência do modal.

 

Ação

Ao andar pelas ruas das cidades do Vale do Aço, principalmente, em Timóteo é possível ver o número crescente de quebra molas, muitas das vezes em locais inapropriados.

O excesso de quebra molas também interfere diretamente no desempenho do ônibus, como atrasos durante a viagem, aumento dos gastos com óleo diesel e as necessidades constantes de manutenção nos carros.

José Gomes diz que é importante que os órgãos públicos invistam no transporte público e incentivem a população a utilizá-lo, pois o transporte público é o mais seguro e eficiente. Isso acarretará em economia para todos, vias públicas mais tranquilas, menos emissão de poluentes e mais segurança no trânsito.

A Autotrans empenha-se em desenvolver soluções que atendem as necessidades dos usuários de transporte. Sugestões e reclamações são recebidas e certificadas de imediato, uma das maneiras encontradas para tentar driblar as falhas do transporte público.

Atualmente, a empresa disponibiliza diversos canais de comunicação como o 0800, e-mail, site e help desk. Ouvir os clientes e buscar excelência no atendimento fazem partes das diretrizes e normas da empresa. Os esforços são para oferecer um transporte mais justo e eficaz.

 

Marina Oliveira
Marina Oliveira

Assistente de Marketing

26 anos, ariana, publicitária, chocolátra, fã do Nando Reis(mas não dispenso um xote). Vivo evoluindo, então prazer!

Deixe seu comentário